(41) 3672 3681 / (41) 3672 3106
operacional@institutochicomendes.org.br
04 maio 2017
Logo Gincana_Final

III Gincana Universitária – Instituto Chico Mendes

Foi dada a largada para as inscrições das Faculdades e/ou Universidades de Curitiba e RMC para participar da III Gincana Universitária – Chico Mendes.
O evento é uma proposta de extensão universitária que concilia o desenvolvimento de habilidades e competências técnicas na elaboração de projetos com a responsabilidade socioambiental e cidadania.
As provas serão realizadas em Curitiba e região e cada time terá que elaborar um projeto social e/ou ambiental baseado na realidade de uma comunidade carente, nos limites da grande Curitiba. As equipes serão formadas por 9 alunos e 1 professor tutor.
Venha fazer parte desta Ação!!!
Inscrições e informações via email: operacional@institutochicomendes.org.br ou ligue 0**41 3672 3681 – 3672 3106.

25 out 2016
1

Parceria entre INPRA e GRUPO PLATAFORMA LIDERANÇA SUSTENTÁVEL

INSTITUTO INTERNACIONAL CHICO MENDES EM PARCERIA INSTITUCIONAL COM O GRUPO PLATAFORMA LIDERANÇA SUSTENTÁVEL. EVENTO REUNIU GRANDES LIDERANÇAS CORPORATIVAS EM SETEMBRO DE 2016 – ÉTICA E DIVERSIDADE.

Com  a presença da Estrategista Social do INPRA (Instituto Internacional de Pesquisa e Responsabilidade Socioambiental Chico Mendes) Sra. Karina Bruno, oficializou-se a parceria institucional entre Instituto Chico Mendes e Plataforma Liderança Sustentável. O evento ainda reuniu grandes nomes nacionais e internacionais de lideranças corporativas, bem como lideranças femininas da ONU, acadêmicos renomados, sociólogos  e doutores da Universidade de São Paulo – USP.

2

Como as principais empresas do país estão enfrentando os desafios da promoção da ética e da diversidade no ambiente de trabalho, na cultura corporativa e na estratégia do negócio? E quais os mais importantes aprendizados e oportunidades identificados nessa jornada? Para responder essas e outras questões, a Plataforma Liderança Sustentável reuniu os presidentes do Google, Microsoft, Coca-Cola, Siemens, L’Oréal e Johnson & Johnson, além dos especialistas Dr. Robert Henry Srour, doutor em Sociologia pela USP, e a Dra. Nadine Gasman, representante do escritório da ONU Mulheres no Brasil, para compartilhar experiências e ideias.

 

Sobre a Plataforma Liderança Sustentável
A Plataforma Liderança Sustentável é um movimento lançado em junho de 2011, que reúne 60 presidentes de grandes empresas brasileiras em torno da missão de conectar, inspirar e educar líderes de negócios para o tema da sustentabilidade. A iniciativa já atingiu presencialmente cerca de 85 mil gestores em mais de 300 eventos pelo Brasil – além de países como França, Espanha, Portugal, Canadá e Argentina – e mais de 1,8 milhão de pessoas com as vídeo-palestras disponíveis em canais no YouTube e Vimeo.

Sobre a Ideia Sustentável
Ideia Sustentável é uma consultoria especializada em estratégia e inteligência em sustentabilidade empresarial. Criada em 1993, por Ricardo Voltolini, um dos primeiros especialistas no tema do Brasil, desenvolve conhecimento e apoia empresas em três linhas: Consultoria (desenvolvimento de políticas de sustentabilidade, definição e diretrizes, criação de cultura e identidade, educação e conteúdos); Educação (sensibilização, treinamento e capacitação de profissionais de empresas para os temas da sustentabilidade); e Conteúdos (estudos, pesquisas, fóruns, eventos técnicos, relatórios e planejamento de comunicação da e para a sustentabilidade).

 

Mais informações: www.plataforma.ideiasustentavel.com.br

18 out 2016
whatsapp-image-2016-10-17-at-18-15-35

AÇÃO EM COMEMORAÇÃO AO DIA DOS OCEANOS

No dia 08 de junho os alunos do 6º ano da Escola Tia Alzira, juntamente com os professores e contando com a coordenação da Sra. Andreia Monteiro, Superintendente do Instituto Chico Mendes no Ceará, realizaram a limpeza da Praia do Iguape no Município de Aquiraz em comemoração ao dia dos oceanos.

Parabéns a grande iniciativa, pequenas ações podem mudar o mundo!!!!

 

whatsapp-image-2016-10-17-at-18-32-40-1  whatsapp-image-2016-10-17-at-18-32-39whatsapp-image-2016-10-17-at-18-32-40

27 set 2016
noticia-icm

Projeto Escola Comunidade Sustentável chega a Fortaleza

Sispea – Escola comunidade Sustentável um projeto do Instituto Chico Mendes desenvolvido pela Superintendência do Ceará agora está nas escolas de Fortaleza. O desafio foi aceito muita paixão e obstinação no trabalho de educação ambiental e agora colhendo os frutos de um trabalho planejado com muito profissionalismo e determinação. Obrigado a todos que fizeram e fazem parte desse desafio de levar educação ambiental para as escolas do norte e nordeste.

materia-1

01 set 2016
20160721_213702 (2)

Semana de Palestras e Seminários em Petrópolis e Região – INPRA

Apresentação do Instituto Internacional Chico Mendes

A importância da Certificação Ambiental para empresas em instituições petropolitanas

PEA – PROCERT e PRONEC – Julho de 2016

 

18.07 à Abertura: Sicomércio – Palestra Apresentação INPRA e Mini Cursos – Certificações Sustentáveis

19.07 à Entrevista Canal TVC16 CANAL PETRÓPOLIS

20.07 à Entrevista Canal TVC16 CANAL PETRÓPOLIS

21.07 à Reunião com Suindara Brasil – 1ª empresa Certificada PROCERT (Itaipava)

22.07 à Encerramento Solene: Palácio Amarelo – Câmara Municipal de Petrópolis

 

20160718_100511 (3) 20160720_095906 (2) 20160720_212635 (3) 20160721_213453 (2)

 

 

Entrevista com Sérgio Taldo: “Bom Dia Cidade, 18-07-2016: TVC16 Canal Petrópolis”

 

Entrevista com Karina Bruno e Sérgio Taldo: “Bom Dia Cidade, 20-07-2016: TVC16 Canal Petrópolis”

 

10 ago 2016
embrapa

Grupo DSR, empresa certificada com Selo Verde, em parceria com EMBRAPA, estimula plantio de araucárias em estradas do Paraná

Um projeto desenvolvido no sul do Brasil estimula o plantio de araucárias na beira da estrada para embelezar a paisagem. Essa prática é uma forma de ajudar na preservação da espécie e de dar renda ao pequeno produtor.

A araucária é uma árvore imponente, que dá para conhecer de longe, principalmente pelos galhos que se esticam para o lado, deixando a copa em forma de taça.

Uma estrada pode passar despercebida quando apenas cumpre a função de ligar um ponto a outro. Agora, quando nas suas margens existem árvores gigantes como as araucárias, essa mesma estrada se transforma em alameda. Com isso, agrada aos olhos de quem passa por ela, proporcionando um deslocamento bem mais prazeroso.

Foi atrás desse cenário que a Embrapa Florestas lançou o projeto estradas com araucárias, já presente em pequenas propriedades de Santa Catarina e do Paraná. No município de Fernandes Pinheiro, o agricultor Darci Pires e o filho Éder tiraram o dia para o plantio das primeiras mudas nas suas terras. O plantio da araucária pode ser feito com mudas já formadas ou com o próprio pinhão, que é a semente da árvore.

Mesmo desativada para o trânsito de veículos, a alameda que serviu de inspiração para a criação do projeto do agrônomo da Embrapa Edilson Batista chama atenção das pessoas que circulam pela zona rural do município de Colombo. “A araucária é a espécie símbolo do estado do Paraná. É uma espécie ameaçada de extinção. A gente coloca a cada cinco metros uma araucária. Então, são 200 araucárias por quilômetro. Isso daria em torno de quatro hectares de floresta nativa”, diz.

Em quatro anos, o projeto Estradas com Araucárias se espalhou ao longo de cem quilômetros, se somados todos os trechos onde foi feito o plantio nos estados do Paraná e em Santa Catarina. Muitas árvores ainda estão com cerca de 60 centímetros. A ideia é dobrar o número de produtores até 2018, passando de 65 para 130.

O projeto tem a ajuda de patrocínio de empresas como a transportadora DSR, que financia os agricultores para fazer a compensação ambiental de parte da poluição emitida pelos seus caminhões, que consomem 1,2 milhão de litros de diesel por mês.

“Nós emitimos em torno de 0,00264 toneladas de CO2 por litro de diesel. Então, isso dá um volume bastante razoável de emissão. Nos 500 caminhões nós estamos falando de 30 mil toneladas de CO2 emitidos. Nossa meta de compensação é de 15%. Mas hoje nós estamos em torno de 8% a 10% de compensação”, diz Paulo Caffeu, direto executivo da transportadora.

A decisão de apoiar o projeto tem relação com a postura atual de alguns clientes, que, cada vez mais, levam em conta o respeito ao meio ambiente na hora de fechar negócio. Para cada araucária plantada a transportadora paga R$ 5 ao ano. Os agricultores se comprometem com o plantio de 200 árvores por propriedade. O plantio dá um incremento de R$ 1 mil na renda anual de pequenos produtores como Ivalmor Caranhato, que trabalha multiplicando caixas de abelhas nativas, daquelas sem ferrão, que produzem um mel especial.

As araucárias plantadas pelo produtor estão hoje com três anos. Quando as árvores começarem a dar pinhão, o agricultor deixa de receber o patrocínio do projeto. “A ideia é que esse produtor seja remunerado por volta de 15 a 18 anos. Aí essa araucária vai estar produzindo pinhão e esse proprietário vai poder estar comercializando esse pinhão”, diz Carlos Henrique Nauick, agrônomo da Unicentro.

Como o projeto se desenvolve nas margens das estradas, é preciso respeitar algumas orientações na hora do plantio.

“Sempre fora da faixa de domínio das estradas. Essa faixa de domínio é constituída pela pista, acostamento e área de escape. Ela tem que ser plantada dentro da propriedade”, explica Edilson Batista, agrônomo da Embapra.

O agricultor Anselmo Bello Andrade fez o plantio das araucárias através de sementes. Em algumas covas nasceu mais de um pé. Hoje, o agricultor faz o raleio, tirando as mais fracas e deixando as mais fortes.

O plantio de araucárias não é novidade na propriedade do agricultor Anselmo Bello Andrade. Há 35 anos atrás, ele semeou árvores que hoje produzem o pinhão para a família. Parte do material usado para construir a varanda no fundo da casa foi comprado com o ganho das araucárias que o agricultor plantou na beira da estrada.

O lazer de hoje é comer os pinhões que acabaram de sair do fogo. Daqui a algum tempo, a produção virá das araucárias plantadas na beira da estrada, que, além de dar renda à família, prometem embelezar a paisagem.

 

Assista o video neste link

 

 

fonte: http://g1.globo.com/economia/agronegocios/noticia/2015/06/projeto-da-embrapa-estimula-plantio-de-araucarias-em-estradas-do-parana.html

20 maio 2016
andreia

IMAC E INSTITUTO SOCIOAMBIENTAL CHICO MENDES ASSINAM CONVÊNIO PARA IMPLANTAÇÃO DO PROJETO SOCIOAMBIENTAL CAUCAIA VERDE

Com o objetivo de disseminar a prática de responsabilidade Socioambiental, através de ações educativas nas escolas e comunidade, o IMAC – Instituto Municipal de Meio Ambiente de Caucaia, no Ceará, firmou convênio com o INPRA – Instituto Internacional de Pesquisas e Responsabilidade Socioambiental Chico Mendes, para implementação do projeto Caucaia Verde, que se estenderá até final deste ano e atenderá todo o município. Assinaram o convênio o presidente do IMAC, Dr. Elano Feijó Damasceno e a superintendente do INPRA, Dra. Andréa Monteiro. Segundo Elano “ O projeto Caucaia Verde, em parceria com o INPRA, vem de encontro as ações já desenvolvidas pelo IMAC , pois promove a visibilidade, o debate e a pratica de ações sociais e ambientais positivas, a sensibilização e construção de hábitos saudáveis ao meio e ao homem,  abordando de forma direta e objetiva problemas graves e urgentes como resíduos sólidos, saúde ambiental, consumo consciente dentre outros assuntos relevantes”.

Powered by themekiller.com